Trabalhando para trazer o melhor a voçê

marina na presidencia

Por Juliana Prado
texto do site http://www.minhamarina.org.br

Em primeiro encontro entre os pré-candidatos à presidência Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PV) e José Serra (PT), o clima é de debate. No 27º Congresso Mineiro de Municípios em Belo Horizonte, o tucano e a petista fizeram discursos muito técnicos, já a “verde”, Marina Silva, arrancou aplausos da plateia com sua primeira frase: o processo político não pode ser plebiscitário.

A ex-ministra-chefe da Casa Civil Dilma fez um discurso inicial longo, falou dos principais projetos sociais mantidos pelo governo federal em Minas Gerais e disse que o governo Lula nunca deixou de dialogar com os municípios. Foi ensaiado um princípio de vaia à petista quando disse que os municípios estavam muito beneficiados e passou a enaltecer o governo.

Serra citou que os benefícios aos municípios começaram a partir da constituição de 1988. “Os municípios, depois disso, aos poucos, foram vítimas de uma tesoura”, ou seja, as coisas foram se perdendo.

Marina conquistou a plateia quando falou do pax federativo. De início, disse que o processo político não pode ser plebiscitário. “Não pode ser de uma hora para outra as mudanças e investimentos nos municípios”.

Pela primeira vez, os três pré-candidatos à Presidência da República se encontram em um mesmo evento. O 27º Congresso Mineiro de Municípios, em Belo Horizonte, é realizado desde terça-feira (4), no Expominas, tem como tema “Gestão e Tecnologia” e é promovido pela Associação Mineira de Municípios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário